terça-feira, 27 de novembro de 2012

A melhor forma de levantar a crise!!


Uma família, um espaço pequeno, muitaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaa comida!



Muito inspirador para nossa casa!

terça-feira, 13 de novembro de 2012

Chapéu do Xavier

     O conjunto dos primos ficou completo. O Xavier escolheu o azul escuro para o seu chapéu e o resto ficou ao meu critério. Ainda na época da manga curta um aluno levou um polo com estas três cores e foi a inspiração para o chapéu do Xavier.















informações: casadapucarica@gmail.com

sexta-feira, 9 de novembro de 2012

Alguidar de barro

     No dia da lenha as visitas trouxeram-nos esta pequena grande (e pesada) lembrança. Há muito que andávamos à procura de um alguidar de barro para amassar o pão.
     Quantos quilos de massa terá fermentado?
     Esta velharia ganhou nova vida na Casa da Pucariça e já está em acção!
     Um beijinho à mãe Eugénia!

quarta-feira, 7 de novembro de 2012

Almofadas de lavanda

      Aqui fica uma sugestão para uma lembrança de Natal. Para além de dar um cheirinho muito agradável às gavetas, ajuda a um sono tranquilo.
     Para quem gosta de costurar, são fáceis de fazer, para quem até nem por isso, podem contactar-nos.
informações: casadapucarica@gmail.com

(É provável que voltem a perguntar-nos que peça de madeira é esta que 
serve de suporte às fotografias. Prometemos mostrá-la um dia destes.)

sábado, 3 de novembro de 2012

Natal português



     Para quem é assíduo das redes sociais, mais concretamente no facebook, já reparou, com certeza, na mensagem que apela à compra de artigos portugueses, quer no pequeno comércio, como também a artesãos.
     Nessa mensagem lê-se o seguinte:

"Façamos o seguinte para o Natal: Compremos os presentes a pequenas empresas e artesãos: À vizinha que vende por catálogo ou pela internet, a artesãos que conheçamos, à amiga que tem uma loja no bairro, ao pasteleiro que faz os doces artesanais, ao rapaz que tem uma banca no mercado... Façamos o dinheiro chegar às pessoas comuns e não às grandes multinacionais. Assim haverá mais gente a ter um melhor Natal.

Se achas que é um boa proposta, copia e cola no teu mural."



     A Márcia do blog by Deva resolveu publicá-la na sua página e por termos achado uma excelente ideia partilhamo-la aqui também. Por isso, para além das costuras da Casa da Pucariça, aqui ficam outras sugestões para as prendinhas de Natal.


                                  ~ Vchapéus
                                  ~ by Deva
                                  ~ Tarapatices
                                  ~ Pontinhos meus
                                  ~ Pano p´ra mangas
                                  ~ SofiAlgarvia
                                  ~ Ká se faz
                                  ~ bu&bau
                                  ~ Alecrim e Alfazema
                                  ~ 1bigo
                                  ~ Bichos da Matos
                                  ~ A carteira da Pg
                                  ~ Bonito serviço
                                  ~ Atelier da Xica
                                  ~ Irina Duque


sexta-feira, 2 de novembro de 2012

Broas de ocasião




     Só quando viemos morar para o oeste é que conhecemos a tradição do "Pão por Deus". 

     No primeiro ano em que os pequenos nos bateram à porta não estávamos prevenidos, nem sabíamos muito bem o que estavam à espera de receber.

    Informámo-nos e disseram-nos para dar guloseimas (chocolates, gomas, rebuçados...). No ano seguinte seguimos esse conselho mas felizmente o nosso caminho cruzou-se com a amiga Fátima (experiente nesta tradição) que nos deu esta receita, muitas vezes repetida com os mais pequenos da escola da Achada e que agora partilhamos aqui:




Ingredientes:
- 1 kg de farinha
- 400 g de açúcar
- 6 ovos
- 25 g de erva doce
- 25 g de canela
- raspa de 1 limão
- 125 g de margarina
- 125 g de mel
- 1 c. de chá de bicarbonato de sódio
- frutos secos (nozes, pinhões, figos secos, passas)

Preparação:
     Mistura-se a farinha com o açúcar, a erva doce, a canela e o bicarbonato de sódio e a raspa do limão. Faz-se um buraco no meio e deitam-se os ovos batidos. Amassar.
     Num tacho derreter a margarina juntamente com o mel e adicionar à mistura anterior amassando bem.
     Juntar os frutos secos e envolver bem.
    Fazer pequenas bolas (+/- 3cm de diâmetro) que se achatam ligeiramente (a amiga Fátima é que domina a verdadeira arte de fazer a forma das broas) e dispôr em tabuleiros previamente untados.
     Pincelar as broas com gema de ovo e levar ao forno até ficarem cozidas (não demasiado para não ficarem muito rijas).

quinta-feira, 1 de novembro de 2012

Pão por Deus

     Esta tradição surgiu em Lisboa após o terramoto de 1755. Muitas pessoas ficaram sem as suas casas e pertences, por poucos que fossem, e os mais pobres, mais pobres ficaram.
     Para minorar a sua situação percorriam a cidade pedindo pão de porta em porta: Dê-me pão por Deus! (que é como quem diz actualmente: Dê-me pão por favor!)
     Actualmente, no dia 1 de Novembro, as crianças saem à rua e juntam-se em pequenos grupos com os seus sacos personalizados para pedir o "Pão por Deus" de porta em porta.


Por cá estamos sempre preparados! Este ano com uma mandala de broas!


     À Casa da Pucariça, bateram logo cedo, os pequenos do costume, sempre com sorrisos rasgados! Este ano ficaram mais tempo para recolher os ovos e alimentar as ovelhas e as galinhas.
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...